O exercício físico é classicamente conhecido como fonte de energia e vitalidade. Durante o envelhecimento, isto não é diferente. A atividade física regular é capaz de prevenir e controlar diversas doenças sistêmicas como hipertensão, diabetes, depressão, obesidade, oesteoporose. A associação de exercícios aeróbicos, de resistência e flexibilidade é o ideal para idosos. As metas de exercícios devem sempre ser estimuladas pelos profissionais de saúde. O orientação de um  educador físico é essencial para que os ...

leia mais »

As queixas de memória são muito comuns entre os idosos, sendo motivo freqüente de procura ao geriatra. A avaliação da memória e outros domínios da cognição são essenciais para o diagnóstico diferencial e fazem parte da consulta geriátrica.  Em casos em que há dúvida diagnóstica, é necessário avaliações mais completas realizadas por psicólogos especializados, que nos mostram a capacidade cognitiva do indivíduo em todos os domínios.  O diagnóstico de déficit cognitivo, sem evidência de perda ...

leia mais »

O delirium é uma situação clínica definida como alteração do nível de consciência e déficit de atenção, com curso flutuante e início agudo. É comum em indivíduos idosos hospitalizados que apresentam algum grau de dependência, demência e déficits sensoriais. Na maioria das vezes, sua etiologia é multifatorial, sendo então necessária uma avaliação ampla do indivíduo. Para resolução do quadro é essencial o tratamento das causas desencadeantes do processo. O uso de neurolépticos deve ser reservado ...

leia mais »

A osteoartrose é uma doença inflamatória que afeta as articulações, causando dor e limitação de movimentos. O tratamento clínico é baseado em medidas de controle da dor e manutenção da funcionalidade articular. Para isto pode-se utilizar analgésicos simples e/ou opióides, antiinflamatórios, aplicações intra articulares de corticóides e ácido hialurônico. Há também medicações mais recentes como condroitina, glucosamina e diacereína que também tem seu papel no controle dos sintomas da doença. Medidas não farmacológicas como fisioterapia ...

leia mais »